MTs 175 (Cacho a Reserva do Cabaçal) e 248 (Araputanga a Jauru) estão destruidas

Categoria: Estadual
Acessos: 79
ilidioO vereador Ilídio da Silva Neto (PSDB) de Araputanga, levantou a voz, por volta de 10h00min da manhã deste sábado, 27 de janeiro, contra o estado de abandono que estão relegadas as MTs-175 (Cacho a Reserva do Cabaçal) e 248 (Araputanga a Jauru). São centenas de buracos e crateras que “dirigem” as rodovias, dificultando a vida do condutor e, causando prejuízos a quem precisa trafegar nessas vias.
O vereador foi enfático quando lembra aos deputados, “Não precisamos de Sessão Itinerante, entregando Moções de Aplauso a algumas pessoas da região; precisamos de estradas  e saúde de qualidade, precisamos de progresso”, concluiu.
 
SILÊNCIO QUE ASSUSTA

Os conformados e os pessimistas partem da afirmação “As rodovias estão assim em todo lugar”! Talvez estejam mesmo, porém, é preciso lembrar que nossos representantes políticos, da esfera estadual são os responsáveis por mudar o atua estado das rodovias; cabe ainda aos prefeitos, vereadores e deputados cobrar melhorias em nome do povo e, não se amparar na velha desculpa,  o Estado não tem dinheiro... Como tivemos dinheiro para construir estádio para Copa?
 
Talvez esses representantes que devem ser banidos do meio político, devem ter outras preocupações muito importantes para se preocupar, porque homens com pouca ou nenhuma vocação para política, realmente não conseguem oferecer respostas adequadas contra  rodovias ruins como as nossas e, outros serviços como Segurança e, Saúde, não parecem melhores em todo o Estado; se o leitor duvidar, dependa de um desses serviços e experimente a resposta.
 
PROMETA NÃO CUMPRIDA

Em março de 2017 quando ocorreu o Mutirão da Cidadania em S.J.Quatro Marcos, o governador prometeu  inaugurar a obra de restauração do asfalto, do Cacho a Jauru; a promessa seria cumprida em novembro/2017; hoje, dez meses depois da promessa temos ainda mais buracos nas rodovias, que outrora.
 
DEVERIAM ESTAR RUBROS

Deputados e outros representantes políticos que tanto lutaram para ocupar um assento na Assembleia e, não conseguem efetivar avanços verdadeiros que melhorem a qualidade de vida do povo, deveriam estar rubros de vergonha (vermelho de forte tonalidade como sangue), quando percorreram a rodovia para fazer Sessão Itinerante em Araputanga.
 
2018 chegou, em breve o eleitor poderá “agradecer pessoalmente”, ao Chefe do Governo e a cada deputado, pela má qualidade dos serviços prestados, entre eles, segurança ruim, saúde na UTI e, lógico, estradas em condições vergonhosas, horripilantes, isto é, que inspiram horror, medo, pavor, para condutores que por elas trafegam diariamente, sem falar no enorme prejuízo e aumento de custos no transporte, para empresas.
 
ASSEMBLEIA ITINERANTE

No dia 08 de dezembro/2017 houve, em Araputanga-MT, Sessão Itinerante da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso; na ocasião, foi realizado o “Mutirão da Cidadania”, com emissão de documentos, consultas e exames médicos. A Informação consta do Portal da Assembleia.



Por Sebastião Amorim - Folha de Araputanga